PRESIDENTE DO TJRJ EXALTA HARMONIA DOS TRÊS PODERES E O COMPROMISSO EM AJUDAR O RIO A CRESCER

Um estado onde os três poderes andam juntos. Este foi o destaque do painel “ Rio de braços abertos”, que reuniu, no mesmo palco, como debatedores, o governador do Estado do Rio de Janeiro Cláudio Castro; o presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro, desembargador Ricardo Rodrigues Cardozo; e o presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro, deputado Rodrigo Bacellar. O encontro aconteceu durante o seminário Esfera RJ,  na manhã de sexta-feira (16/6), no hotel Copacabana Palace.

Durante o seminário, que fechou a programação do dia e que reuniu ministros, secretários e empresários foram debatidos temas nacionais com o olhar sobre o Rio de Janeiro, suas potencialidades e o que se faz e se pode fazer para alavancar a economia e o desenvolvimento do estado com a segunda maior economia do país.

Mas um tema chamou a atenção dos participantes, durante o painel “ Rio de braços abertos”: a união entre os chefes dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário que, alinhados com o foco na melhoria da prestação de serviços à população e seu desenvolvimento, criaram um ambiente propício para a melhoria dos índices sociais e econômicos do estado.

O desembargador Ricardo Cardozo exaltou a harmonia entre os poderes, que hoje trabalham de mãos dadas, com o objetivo de resgatar e criar um ambiente para o fortalecimento da economia, da justiça social e também de fazer com que a Justiça seja um bem para todos os cidadãos fluminenses e que prestem um atendimento cada vez melhor para a população.

Segurança Jurídica aos empresários 

O governador Cláudio Castro frisou que o trabalho em sintonia com os chefes dos poderes tem atraído mais investidores para o estado, criando novas oportunidades de negócios e mais vagas de emprego. E que isso, segundo o governador, passa pelas leis da Assembleia Legislativa e pelo trabalho jurisdicional do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro.

E para melhorar ainda mais o trabalho do Judiciário, o presidente do TJ, desembargador Ricardo Cardozo, disse que um dos objetivos do tribunal é dar segurança jurídica ao empresariado, modernizando a instituição, com a instalação de Câmaras Empresariais no TJRJ.

Segurança também esteve no foco dos debates. O governador citou uma melhora nos índices de violência e afirmou que é no Rio onde mais se pune os maus policiais. “É preciso cortar na carne e é isso que fazemos. Mas também melhoramos os salários das forças de segurança na nossa gestão”, disse o governador, frisando a importância do judiciário para a aplicação das leis no combate ao crime.

Modernização do Judiciário 

O presidente do TJRJ anunciou algumas de suas metas: a informatização total do tribunal, a reforma estrutural que está implementando com a criação de Secretarias, como a de Compliance, Sustentabilidade, Responsabilidade Social, entre outras.

“ Ao mesmo tempo que estamos criando um ambiente totalmente informatizado e com novas tecnologias, nos preocupamos e estamos atentos aos problemas sociais, ao olhar humanizado dos juízes e desembargadores. E eu me preparei a vida toda para isso quando vislumbrei ser presidente do tribunal, um sonho, uma meta desde que ingressei na minha carreira como juiz”, afirmou o desembargador Ricardo Cardozo.

Balanço do encontro 
Ao final do encontro, o presidente do TJRJ fez um balanço do seminário Esfera RJ. “Foi uma excelente iniciativa. Espero que tenham outros e onde se possa debater os assuntos que são importantes para o desenvolvimento do Estado do Rio de Janeiro. Somos o segundo estado de importância nacional e, como o governador Cláudio Castro falou, a importância que se tem lá fora é que nós somos um estado destroçado pela violência enquanto isso não é verdade. Precisamos resgatar isso e também economicamente e a Justiça está ao lado desse ideal para que isso possa se concretizar. O Tribunal está irmanado com esses ideais e estamos com o mesmo objetivo de resgatar o Estado do Rio de Janeiro”, afirmou.

Foram realizados quatro painéis ao longo do dia. “Oportunidades de investimentos no Rio de janeiro”, que teve como palestrantes o secretário de estado da Casa Civil, Nicola Miccione; o presidente da Cedae, Aguinaldo Ballon; e o presidente da Águas do Rio, Alexandre Bianchin, que citaram os investimentos e melhoria do sistema no fornecimento de água e esgoto tratáveis.

No painel  “Rio, nova fronteira energética”, debateram o secretário estadual de Energia e Economia do Mar, Hugo Leal; o presidente da ANP, Rodolfo Saboia; e Alexandre D’ambósio, vice-presidente de Assuntos Corporativos e Institucionais da Vale do Rio Doce.

No terceiro painel “Investimentos em habitação e infraestrutura” estiveram presentes os ministros das Cidades, Jader Filho; das Minas e Energia, Alexandre Silveira; e o governador do Rio, como debatedores.

Estiveram também presentes ao seminário os desembargadores Agostinho Teixeira, Benedicto Abicair e Humberto Dalla.

 

O presidente do Grupo Esfera Brasil, João Camargo; o presidente do TJRJ, desembargador Ricardo Cardozo; o governador do Rio Cláudio Castro;  e o desembargador do TJRJ Agostinho Teixeira

 

PF/MB

Fotos: Rosane Naylor / TJRJ

O NABALANCANF APENAS REPOSTA A NOTÍCIA QUE SE FEZ PÚBLICA SEM TECER QUALQUER COMENTÁRIO A RESPEITO DA MATÉRIA OU SE RESPONSABILIZAR PELA MESMA. TEM O CUNHO MERAMENTE INFORMATIVO.
Fonte
TJRJ

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × quatro =

Especialista

Olá! você têm alguma dúvida?