Autor intelectual de duplo homicídio recebe pena de quase 50 anos de prisão em Tubarão

Um homem de 34 anos foi condenado em sessão do júri promovida na comarca de Tubarão, nesta semana (11/7), e terá de cumprir pena de 48 anos e seis meses de reclusão pela autoria intelectual de dois homicídios qualificados. O crime aconteceu em julho de 2021 e o homem foi preso em março de 2022.

Segundo a denúncia, a mando do réu, uma terceira pessoa não identificada foi até a residência das vítimas, que dormiam no momento do crime, no início da manhã. Ele teria surpreendido os dois homens, ao se dirigir ao quarto de cada um deles e desferido, em cada um, dois tiros de arma de fogo. As vítimas estariam acompanhadas de duas mulheres que testemunharam o crime. Como motivação para o ato, vingança pelo fato de as vítimas terem furtado uma arma de fogo, munições e um colete balístico do denunciado.

O réu foi condenado a 48 anos e seis meses de reclusão, em regime inicial fechado, por homicídio duplamente qualificado, por motivo torpe e recurso que dificultou a defesa das vítimas, por duas vezes, com agravante de reincidência e do fato de ter sido o mentor intelectual do crime. Cabe recurso da decisão ao TJSC (Ação Penal 5002800-70.2022.8.24.0075).

Imagens: Divulgação/TJSC
Conteúdo: Assessoria de Imprensa/NCI
Responsável: Ângelo Medeiros – Reg. Prof.: SC00445(JP)
O NABALANCANF APENAS REPOSTA A NOTÍCIA QUE SE FEZ PÚBLICA SEM TECER QUALQUER COMENTÁRIO A RESPEITO DA MATÉRIA OU SE RESPONSABILIZAR PELA MESMA. TEM O CUNHO MERAMENTE INFORMATIVO.
Fonte
TJSC

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × 1 =

Especialista

Olá! você têm alguma dúvida?