TJRJ PROMOVE “CAMPANHA DE EXPOSIÇÃO E VENDA DE PRODUTOS SUIPA”

Quem passou nesta terça-feira (27/6) pela entrada da Lâmina I do Fórum Central do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ) teve a oportunidade de contribuir com a Sociedade União Internacional Protetora dos Animais (Suipa). Estão sendo vendidos itens de necessidade básica arrecadados durante todo o mês de junho para cães e gatos. A iniciativa faz parte da “Campanha de Exposição e Venda de produtos Suipa”, promovida pela Secretaria Geral de Sustentabilidade e Responsabilidade Social (SGSUS) em parceria com a sociedade. Na sexta-feira (30/6), seis cães e três gatos estarão disponíveis para adoção na parte externa do TJRJ.

A juíza auxiliar da Presidência Ana Paula Monte Figueiredo Pena Barros acompanhou o evento e aprovou a iniciativa do Tribunal. Ela adotou um cachorro e um gato que sofriam maus-tratos e ressaltou a importância da parceria para estimular que mais pessoas contribuam com a Suipa. “Ficamos felizes em conseguir abordar pessoas e conscientizar o público para a necessidade de ajudar a Suipa que trabalha sem fins lucrativos e visa o bem-estar dos animais”, destacou a magistrada.

A feira de exposição e venda dos produtos no TJRJ está sendo realizada, das 11h às 15h, no térreo da Lâmina I, na Rua Dom Manuel, s/ n°. Toda a renda será revertida para a associação. Quem tiver interesse em adotar um animal na sexta-feira (30/6) precisa apresentar documento de identidade, CPF e comprovante de residência.

Suipa, 80 anos

Fundada em 27 de abril de 1943, a Suipa é uma associação particular sem fins lucrativos e de utilidade pública que protege e defende os direitos dos animais e ajuda a preservar a saúde pública e sobrevive através da ajuda dos associados e de ações como as realizadas duas vezes por ano no TJRJ (a próxima está programada para o mês de dezembro). Em sua estrutura, possui um ambulatório para acolher animais e mantém o Abrigo Sede, localizado em Benfica, e o Santuário, em Itaboraí, para animais de grande porte como cavalos e porcos. Todos supervisionados por veterinários contratados.

SV/MB

Fotos: Brunno Dantas/TJRJ

O NABALANCANF APENAS REPOSTA A NOTÍCIA QUE SE FEZ PÚBLICA SEM TECER QUALQUER COMENTÁRIO A RESPEITO DA MATÉRIA OU SE RESPONSABILIZAR PELA MESMA. TEM O CUNHO MERAMENTE INFORMATIVO.
Fonte
TJRJ

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 + 18 =

Especialista

Olá! você têm alguma dúvida?