STF abre ao público exposição em memória aos ataques de 8/1

A mostra foi inaugurada ontem pelo presidente do Tribunal, ministro Luís Roberto Barroso, e poderá ser visitada nesta terça-feira (9), das 13h às 17h, no térreo do Edifício-Sede.

Em memória aos atos antidemocráticos realizados contra as sedes dos Três Poderes há um ano, o Supremo Tribunal Federal (STF) apresenta a exposição “Após 8 de janeiro: Reconstrução, memória e democracia”. A abertura da mostra foi feita ontem pelo presidente da Corte, ministro Luís Roberto Barroso, no Hall dos Bustos, na presença de ministros, autoridades e demais convidados.

Nesta terça-feira (9) a exposição será aberta ao público das 13h às 17h, no térreo do Edifício-Sede. Depois, as pessoas poderão visitar a mostra a partir do início do Ano Judiciário, em fevereiro. Segundo o presidente Luís Roberto Barroso, a iniciativa é voltada à preservação da memória institucional do STF de um episódio “que remete ao país que não queremos”, de desrespeito e violência contra as instituições.

O visitante poderá ver cenas que simbolizam a resistência do STF para reconstruir o Plenário vandalizado e retomar as atividades normais da Casa para a sessão solene de abertura do Ano Judiciário 2023, menos de um mês após os atentados. Na mostra estão representados todos os esforços das equipes envolvidas na reconstrução e restauração do patrimônio do Supremo.

A exposição traz ainda o projeto “Pontos de Memória”, implementado logo após os atos antidemocráticos e que exibe peças danificadas, fragmentos decorrentes da violência e demais vestígios físicos do ataque, instaladas em locais de maior circulação de pessoas.

Serviço

Exposição: “Após 8 de janeiro: Reconstrução, memória e democracia”;
Visitação aberta ao público: terça-feira (9), das 13h às 17h;
Local: térreo do Edifício-Sede do STF.

AR/RM

O NABALANCANF APENAS REPOSTA A NOTÍCIA QUE SE FEZ PÚBLICA SEM TECER QUALQUER COMENTÁRIO A RESPEITO DA MATÉRIA OU SE RESPONSABILIZAR PELA MESMA. TEM O CUNHO MERAMENTE INFORMATIVO.
Fonte
STF

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 − seis =

Especialista

Olá! você têm alguma dúvida?