Sessão inaugural do Júri na Capital condena homem a 8 anos por tentativa de feminicídio

A primeira sessão do Tribunal do Júri da comarca da Capital terminou com a condenação de um homem pelo crime de tentativa de feminicídio triplamente qualificada. O acusado foi condenado à pena de oito anos, 10 meses e 20 dias de reclusão, em regime fechado. O julgamento foi realizado na terça-feira (7), em Florianópolis. O crime foi cometido pelo ciúme que o homem tinha da ex-companheira e porque achava que havia sido traído.

De acordo com a denúncia do Ministério Público, em novembro de 2021 a vítima pediu separação do acusado. Inconformado com o fim do relacionamento, o homem preparou uma emboscada para a ex-companheira. Ele foi até a residência da vítima e a esperou chegar do trabalho. Após ser deixada em casa por um amigo, a vítima foi surpreendida pelo agressor. Com uma faca, o homem feriu a mulher com dois golpes no pescoço.

Durante a confusão, um vizinho escutou o barulho e partiu para defender a vítima. Ele também chegou a ser esfaqueado. O agressor fugiu do local, mas foi preso em flagrante minutos mais tarde. Da tentativa de homicídio contra o vizinho da vítima o agressor acabou absolvido pelo conselho de sentença, que é formado por sete jurados. O processo segue em segredo de justiça.

Conteúdo: Assessoria de Imprensa/NCI
Responsável: Ângelo Medeiros – Reg. Prof.: SC00445(JP)

O NABALANCANF APENAS REPOSTA A NOTÍCIA QUE SE FEZ PÚBLICA SEM TECER QUALQUER COMENTÁRIO A RESPEITO DA MATÉRIA OU SE RESPONSABILIZAR PELA MESMA. TEM O CUNHO MERAMENTE INFORMATIVO.
Fonte
TJSC

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × 2 =

Especialista

Olá! você têm alguma dúvida?