Quissamã promove Fórum Intermunicipal para enfrentamento à violência contra as mulheres

O objetivo foi discutir e criar, de forma regional, estratégias de fortalecimento das políticas públicas sobre o tema

A política de abrigamento à mulheres em situação de violência doméstica e o fortalecimento de parcerias foram discutidos durante o VII Fórum Intermunicipal da Rede de Proteção e Acolhimento à Mulher, promovido nesta quinta-feira (27) pela Prefeitura de Quissamã, por meio da Secretaria de Assistência Social, no auditório da Administração Municipal.

O evento, resultado da parceria entre o Centro Especializado de Atendimento à Mulher (Ceam) Elisabeth da Conceição Barcellos Araújo e a Coordenadoria Especial de Políticas para Mulheres, recebeu a Prefeita Fátima Pacheco; o Vice Marcelo Batista; a Deputada Estadual Martha Rocha; a Secretária Estadual da Mulher, Heloísa Aguiar; a Coordenadora Geral de Fortalecimento da Rede de Atendimento do Ministério das Mulheres, Simone Cristina Souza; e diversas autoridades da região.

O objetivo foi discutir e criar, de forma regional, estratégias de fortalecimento das políticas públicas para o combate e prevenção da violência contra a mulher em conjunto com os governos municipal, estadual e federal, ressaltou a Prefeita Fátima Pacheco.

“Um dia de muito trabalho e bons debates. Este Fórum é extremamente importante para o fortalecimento da nossa rede. Precisamos ter mais coragem ainda para falar do assunto e entender que estamos muito atrasados na questão da busca da igualdade. É necessário enfrentar o problema com as três esferas de governo: municipal, estadual e federal”, destacou.

A deputada Martha Rocha e a secretária Estadual Heloísa Aguiar elogiaram Quissamã e pontuaram a importância do momento de debates e encontros para fortalecimento da rede.

“Ter esse fórum que pensa na construção de um mundo sem violência, é sem dúvidas uma maneira da gente refletir qual é o mundo que a gente deseja para viver e para deixar para os nossos filhos e netos. Que me convidem sempre para que eu possa voltar e comemorar as vitórias que a gente já viu hoje, na construção das políticas públicas dessa cidade”, disse a representante do Legislativo Estadual.

“Só tenho que agradecer o carinho e sobretudo de estar numa mesa em que temos duas mulheres tão importantes no cenário da nossa política. A gente precisa realmente compartilhar e trabalhar em conjunto”, comentou a Secretária.

Formado em 2022, o Fórum ocorre de forma itinerante e bimestral e reúne cerca de 15 municípios da Região dos Lagos, Norte e Noroeste Fluminense. De acordo com a Coordenadora Especial de Políticas para as Mulheres, Nágila Oliveira, pela primeira vez o Fórum recebe na mesma edição representantes dos três níveis de governo. “Esse Fórum é um espaço de trabalho técnico. Esta é a sétima edição e pela primeira vez recebemos ao mesmo tempo representantes das esferas municipal, estadual e federal. Isso só fortalece nossa caminhada”, destacou,

O Fórum teve início na parte da manhã com credenciamento, café da manhã e apresentação de idosos vinculados ao Programa de Atenção ao Idoso (PAI), através do Coral Ressignificando Sonhos. Em seguida, aconteceu a abertura com pronunciamento das autoridades e palestras, a primeira com a Secretária Estadual Heloísa Aguiar e a Superintendente de Autonomia Econômica da Mulher, Karoline Mendes, fazendo um panorama das ações no Estado. A segunda palestra mostrou as ações em nível nacional, com a representante do Ministério das Mulheres, Simone Cristina.

Encerrando o evento, roda de Conversa com o tema: “Maria da Penha vai à escola: educar para enfrentamento e prevenção”, com mediação de Nágila e participação da Secretária de Educação de Quissamã, Helena Lima; do Representante da Patrulha Maria da Penha da Polícia Militar do RJ, Sargento Figueiredo; da Assistente Social do IFF Campus-Quissamã, Jéssica Monteiro; da Assistente Social e Doutora em Serviço Social, Paula Sirelli; e da Assistente Social de Rio das Ostras, Gabrielle Gomes Ferreira.

A Secretária de Assistência Social de Quissamã, Tânia Magalhães, avaliou como positiva a realização do evento. “Foi um dia muito proveitoso e com grandes propostas. Essa é uma luta constante, que agrega cada vez mais municípios e gestores. A violência contra à mulher perpassa por vários segmentos, então precisamos desse fortalecimento para que possamos combater o problema de forma ainda mais efetiva”, finalizou.

Fonte: Secom Prefeitura de Quissamã

O NABALANCANF APENAS REPOSTA A NOTÍCIA QUE SE FEZ PÚBLICA SEM TECER QUALQUER COMENTÁRIO A RESPEITO DA MATÉRIA OU SE RESPONSABILIZAR PELA MESMA. TEM O CUNHO MERAMENTE INFORMATIVO.
Fonte
JORNAL TERCEIRA VIA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove − 5 =

Especialista

Olá! você têm alguma dúvida?