PROJETO “COMEÇAR DE NOVO” DO TJRJ OFERECE DIGNIDADE ATRAVÉS DE EMPREGO A EGRESSOS DO SISTEMA PENITENCIÁRIO

Vinte e sete vidas iniciaram na tarde desta segunda (10/7) o caminho de volta à sociedade. Esse foi o número de egressos do sistema penitenciário que ganharam do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro (TJRJ) a chance de uma nova vida, através do projeto “Começar de Novo”. Eles, que já cumpriram pena ou foram beneficiados por causa de extinção de punibilidade, entraram pela porta da frente do tribunal, agora, como funcionários.

E foram relatos emocionantes de agradecimentos, como o de Neire Narciso, de 27 anos, que, como disse, volta ao Tribunal de Justiça não para estar à frente de um juiz, mas ao lado de um magistrado e de todos os funcionários do tribunal.

“Hoje, não só eu como todos os meus colegas que estão aqui, voltamos pela porta da frente deste tribunal. Vocês estão abrindo uma porta e nos dando uma chance que poucos, muitos poucos nos deram. Eu só tenho a agradecer muito a todos vocês. E vou fazer de tudo para honrar essa oportunidade”, disse Neire.

O projeto Começar de Novo é uma iniciativa do TJRJ e tem como objetivo ressocializar cidadãos que vieram do sistema penitenciário, dando-lhes uma oportunidade de emprego.

Acolhimento

Esses foram os primeiros agraciados pelo projeto depois da pandemia de Covid-19. O TJRJ oferece dignidade através de um emprego que pode vir a ser efetivo, depois de dois anos de experiência nas dependências do tribunal.

Para Alexandre Souza Melo, 28 anos, é a hora de escrever um novo capítulo em sua vida:

“Depois do que a gente passou, agora poder escrever um novo capítulo da nossa história, é uma oportunidade única que o estado está nos dando. Por isso, tenho muita gratidão a todos vocês”, disse.

PF/MB

 

Foto: Luis Henrique Vicent/ TJRJ

O NABALANCANF APENAS REPOSTA A NOTÍCIA QUE SE FEZ PÚBLICA SEM TECER QUALQUER COMENTÁRIO A RESPEITO DA MATÉRIA OU SE RESPONSABILIZAR PELA MESMA. TEM O CUNHO MERAMENTE INFORMATIVO.
Fonte
TJRJ

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

9 + dez =

Especialista

Olá! você têm alguma dúvida?