Paixão de Cristo volta a ser encenada no Teatro Trianon

Grupo de Teatro Sacro Dom Carlos Alberto Navarro se apresenta dia 7, às 20h30

O espetáculo “A Paixão de Cristo” é o ponto alto da programação de páscoa. A peça é aguardada todos os anos por cristãos, que apreciam as cenas realistas da paixão, morte e ressurreição de Jesus Cristo. Em Campos, o Grupo de Teatro Sacro Dom Carlos Alberto Navarro, vai se apresentar no dia 7, às 20h30, no Teatro Trianon. Muito experiente, o grupo está ensaiando há pouco mais de um mês. Este ano, o título do espetáculo é “Paixão de Cristo 2023, Meu Senhor e Meu Deus”. A encenação contará com a participação do Coral do Ministério Blessed. Em 2022 o espetáculo também aconteceu no Trianon, mas, durante muitos anos, foi apresentado na Praça do Santíssimo Salvador, em frente à Catedral.

Para adquirir um ingresso, o público deve ir até a bilheteria do teatro, levando 1 kg de alimento não perecível, a partir de terça-feira (4). O horário de funcionamento da bilheteria é de 9h às 12h e das 13h30 às 17h. A distribuição acontecerá até a quinta-feira, ou até o término dos ingressos, já que a quantidade de pessoas no Trianon é limitada.

O intérprete de Jesus, Pedro Carneiro, contou que, na apresentação, a palavra fé será a ligação entre todas as cenas. “A fé, além da dimensão pessoal, possui também uma insubstituível dimensão comunitária, pois é transmitida de geração em geração, e nos torna, progressivamente, discípulos e discípulas de Jesus Cristo, animados e fortalecidos pelo testemunho de outros irmãos de fé, que abraçaram a missão de evangelizar e levar a palavra a todos, sejam eles pastores, padres, comunidade, escolas ou pessoas que fizeram da humanidade de Cristo a sua missão”, diz o ator.

O espetáculo trará cenas como o batismo de Cristo com João Batista, a entrada em Jerusalém, a expulsão dos mercadores, a Santa Ceia, Agonia no Monte das Oliveiras, a traição de Judas e a prisão de Cristo, passagens que prometem emocionar o público.

“Os momentos da encenação em que teremos o Coral do Ministério Blessed serão momentos de reflexão, para todos que vierem assistir a encenação”, diz Pedro, chamando a atenção para a novidade.

Um dos momentos especiais que conta com a participação do Coral, é o trecho da ressurreição e ascensão de Cristo ao céu, em uma cena que promete arrebatar o público.

A encenação da Paixão de Cristo é tradição em Campos, assim como em todo o Brasil. O grupo de Teatro Sacro Dom Carlos Alberto Navarro completa 41 anos encenando o espetáculo.

Este ano, mais uma vez, Jesus será interpretado pelo ator Pedro Carneiro, Maria será interpretada por Dorinha Martins, Pilatos será vivido por Wilson Heindelfeder, Caifás será Pedro Fagundes, Herodes será vivido por Rodrigo Mendes. O espetáculo conta ainda com grande elenco e direção geral de Rodrigo Mendes.

Já o Ministério Blessed de Louvor, formado há nove anos, tem na formação atual, vinte e dois componentes, sendo quatorze vocalistas e seis instrumentistas.

A Semana Santa
A Semana Santa tem início no Domingo de Ramos, festejando a entrada de Jesus Cristo em Jerusalém. A data tem esse nome para remeter ao domingo em que Jesus estava para chegar em Jerusalém, e o povo cortou ramos de árvores e folhas de palmeiras para cobrir o chão pelo qual Cristo passaria.

Passado esse episódio, na noite da quinta-feira seguinte, Jesus colocou-se à mesa com os doze discípulos e durante a ceia tomou o pão, o benzeu e repartiu-o entre todos. É neste momento que Jesus disse que um deles iria traí-lo e depois disse a Judas que ele era o homem que o trairia, e que fizesse o que era pra ser feito.

A Sexta-feira Santa é momento de rememorar a paixão (o martírio) e a morte de Cristo.

No Sábado de Aleluia, que começa a ser celebrado e entre o pôr-do-sol da sexta-feira e o pôr do sol do sábado, um momento de reflexão – afinal Jesus jaz em silêncio no túmulo –. Neste dia é realizado também um momento de oração, e de esperança, para aqueles que crêem na segunda vinda de Jesus Cristo ao mundo.

O “Domingo de Páscoa” celebra a ressurreição de Jesus Cristo.

O NABALANCANF APENAS REPOSTA A NOTÍCIA QUE SE FEZ PÚBLICA SEM TECER QUALQUER COMENTÁRIO A RESPEITO DA MATÉRIA OU SE RESPONSABILIZAR PELA MESMA. TEM O CUNHO MERAMENTE INFORMATIVO.
Fonte
JORNAL TERCEIRA VIA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

nove − 4 =

Especialista

Olá! você têm alguma dúvida?