Marido que tentou matar companheira no Dia Internacional da Mulher é condenado em SC

No primeiro júri do ano da comarca de Joinville, o Conselho de Sentença condenou um homem a cinco anos e quatro meses de prisão, em regime semiaberto, por feminicídio tentado qualificado por motivo fútil e com uso de recurso que dificultou a defesa da vítima.

Durante os debates, a promotoria reforçou que o crime foi motivado pelo fato do autor não concordar com o fim do relacionamento amoroso com a companheira, praticado com arma branca, registrado no dia 8 de março, uma data que deveria servir justamente para homenagear as mulheres. O processo tramita em segredo de justiça para preservar a identidade da vítima. A defesa adiantou que recorrerá da decisão.

Próximo júri

O próximo júri da comarca está marcado para o dia 2 de fevereiro. No banco dos réus um homem acusado de integrar uma facção criminosa e ser o mandante do assassinato de um policial militar em agosto de 2017, no bairro João Costa (Autos n. 0018735-31.2017.8.24.0038).

Imagens: Divulgação/Comarca de Joinville
Conteúdo: Assessoria de Imprensa/NCI
Responsável: Ângelo Medeiros – Reg. Prof.: SC00445(JP)

O NABALANCANF APENAS REPOSTA A NOTÍCIA QUE SE FEZ PÚBLICA SEM TECER QUALQUER COMENTÁRIO A RESPEITO DA MATÉRIA OU SE RESPONSABILIZAR PELA MESMA. TEM O CUNHO MERAMENTE INFORMATIVO.
Fonte
TJSC

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 − 3 =

Especialista

Olá! você têm alguma dúvida?