Lula recebe chanceler da Alemanha, Olaf Scholz, em reunião em Brasília nesta segunda

Além da pauta comercial, temas como meio ambiente, democracia e acordo entre Mercosul e União Europeia devem estar na agenda. Scholz também visitou Argentina e Chile no fim de semana.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebe nesta segunda-feira (30), em Brasília, o primeiro-ministro da AlemanhaOlaf Scholz.

Na pauta da reunião, além das relações econômicas entre os países – a Alemanha é o quarto país que mais exporta para o Brasil –, devem constar temas ligados ao meio ambiente e à defesa da democracia.

O acordo comercial entre o Mercosul e a União Europeia, tratado pelo governo Lula como prioridade após ter sido travado na gestão Jair Bolsonaro, também está no horizonte do debate entre os países.

A chegada de Olaf Scholz às agendas oficiais no Brasil está prevista para 15h30. Antes, Lula se reúne com o ministro das Relações Exteriores, Mauro Vieira, para alinhar o cronograma da visita.

Lula e Scholz se reúnem no Palácio do Planalto e, em seguida, recebem representantes de delegações empresariais do Brasil e da Alemanha. Há previsão de uma fala dos chefes de Estado à imprensa, seguida de um jantar no Palácio Itamaraty, já à noite.

No fim de semana, Olaf Scholz esteve com os presidentes da Argentina, Alberto Fernández, e do Chile, Gabriel Boric.

Meio ambiente

 

Como parte da visita da comitiva alemã nesta segunda, a ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, se reúne com a ministra da Cooperação Econômica e Desenvolvimento da Alemanha, Svenja Schulze.

A reunião acontece ainda pela manhã, e há previsão de que as ministras apresentem projetos de cooperação entre os dois países.

A Alemanha é a principal doadora do Fundo Amazônia, criado em 2008 para financiar projetos de redução do desmatamento e fiscalização do bioma.

O fundo está parado desde 2019 – a retomada foi assinada pelo presidente Lula no dia 1º de janeiro, como um dos primeiros atos da nova gestão.

Por g1 — Brasília

O NABALANCANF APENAS REPOSTA A NOTÍCIA QUE SE FEZ PÚBLICA SEM TECER QUALQUER COMENTÁRIO A RESPEITO DA MATÉRIA OU SE RESPONSABILIZAR PELA MESMA. TEM O CUNHO MERAMENTE INFORMATIVO.
Fonte
G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 + treze =

Especialista

Olá! você têm alguma dúvida?