JUSTIÇA ACEITA DENÚNCIA E DECRETA PRISÃO PREVENTIVA DE SUSPEITOS DA MORTE DO ATOR JEFF MACHADO

O juízo da 1ª Vara Criminal da Capital recebeu a denúncia do Ministério Público e converteu a prisão temporária em preventiva de Bruno de Souza Rodrigues e de Jeander Vinicius da Silva Braga. Eles são acusados do homicídio qualificado e ocultação de cadáver do ator Jeff Machado.

De acordo com informações do processo, Bruno Rodrigues teria destruído aparelhos e chips telefônicos e entrado em contato com testemunhas para influenciar seus depoimentos na polícia.

“Relevante ressaltar, ainda, as declarações do denunciado Jeander, nas quais admite sua participação no homicídio de Jefferson e confirma a tentativa de eliminação de provas. A tentativa de influência nas declarações das testemunhas evidencia a necessidade de preservação da fonte testemunhal de prova, com a garantia de um ambiente de tranquilidade, livre de qualquer influência ou temor que certamente seria impossível garantir, senão pela manutenção de sua custódia cautelar”, destaca a decisão.

O corpo de Jeff foi encontrado concretado em um baú enterrado numa casa em Campo Grande, Zona Oeste do Rio, em maio deste ano.

Processo n: 0071292-37.2023.8.19.0001

MG/FS

O NABALANCANF APENAS REPOSTA A NOTÍCIA QUE SE FEZ PÚBLICA SEM TECER QUALQUER COMENTÁRIO A RESPEITO DA MATÉRIA OU SE RESPONSABILIZAR PELA MESMA. TEM O CUNHO MERAMENTE INFORMATIVO.
Fonte
TJRJ

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × cinco =

Especialista

Olá! você têm alguma dúvida?