Esta bebida em particular pode causar vários tipos de câncer

Restringir o consumo desse tipo bebida em particular pode ajudar a modificar o risco da doença

Hábitos de vida e aquilo que consumimos têm um papel importante no desenvolvimento ou não de câncer. E uma bebida específica pode aumentar o risco de vários tipos da doença.

Cancer FactFinder, um site da Escola de Saúde Pública de Havard, que fornece informações precisas e confiáveis ​​sobre o que causa câncer, alerta para o consumo de bebidas alcóolicas.

O consumo de álcool pode causar vários tipos de câncer

Créditos: vitanovski/A_N/istock
O consumo de álcool pode causar vários tipos de câncer

De acordo com o site, “há um forte consenso de que o uso de álcool pode causar vários tipos de câncer, e foi classificado como cancerígeno do Grupo 1 (o que significa que é cancerígeno em humanos) pela Agência Internacional de Pesquisa sobre o Câncer ( IARC).”

Isso acontece porque o consumo de álcool leva ao acúmulo de acetaldeído, que é um subproduto tóxico do etanol (álcool puro).

No fígado, o etanol é convertido em acetaldeído, e uma grande presença de acetaldeído interrompe o processo de ligação do DNA, fazendo com que as células não se repliquem corretamente.

Além disso, o consumo de álcool também causa danos aos tecidos, o que torna as células superficiais mais suscetíveis à absorção de substâncias cancerígenas.

A ciência também sabe que há uma forte “associação dose-resposta” entre o uso de álcool e o câncer. Ou seja, quanto mais álcool a pessoa bebe regularmente ao longo do tempo, maior é o risco de uma pessoa desenvolver um câncer associado ao álcool.

Tipos de câncer associados à bebida

Cabeça e pescoço: pessoas que bebem moderadamente têm risco 1,8 vezes maior de câncer de cavidade oral e faringe (garganta) e risco 1,4 vezes maior de câncer de laringe (cordas vocais) do que os não bebedores. Bebedores pesados ​​têm risco cinco vezes maior de câncer de cavidade oral e faringe e risco 2,6 vezes maior de câncer de laringe, de acordo com o National Cancer Insitute, dos EUA.

Esofágico: em comparação com aqueles que não bebem álcool, o risco varia de 1,3 vezes maior para bebedores leves. Mas chega a quase cinco vezes maior para bebedores pesados.

Fígado: o consumo excessivo de álcool está associado a um risco aproximadamente duas vezes maior de dois tipos de câncer de fígado.

Mama: o aumento do risco de câncer de mama é maior em bebedores moderados (1,23 vezes mais) e bebedores pesados ​​(1,6 vezes mais).

Colorretal: o consumo moderado a pesado de álcool está associado a um risco 1,2 a 1,5 vezes maior de câncer de cólon e reto, em comparação com o não consumo de álcool.

Outros fatores de risco

De acordo com a Cancer Research UK, fumar causa pelo menos 15 tipos diferentes de câncer. E o tabaco é a maior causa de câncer no mundo.

Como? A instituição de caridade explica: “A fumaça do tabaco contém muitos produtos químicos que danificam o DNA em suas células. E não é apenas perigoso para os pulmões – o tabaco danifica as células de todo o corpo”.

Outros fatores de risco incluem:

  • uma história pessoal ou familiar de câncer
  • obesidade
  • alguns tipos de infecções virais, como o papilomavírus humano (HPV)
  • produtos químicos específicos.
O NABALANCANF APENAS REPOSTA A NOTÍCIA QUE SE FEZ PÚBLICA SEM TECER QUALQUER COMENTÁRIO A RESPEITO DA MATÉRIA OU SE RESPONSABILIZAR PELA MESMA. TEM O CUNHO MERAMENTE INFORMATIVO.
Via
Créditos: vitanovski/A_N/istockPor: Redação
Fonte
catracalivre

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 + sete =

Especialista

Olá! você têm alguma dúvida?