CTI do HGG será o maior do Estado do Rio

Centro de Tratamento Intensivo contará com 20 leitos

Graças à parceria entre a Prefeitura e o Governo do Estado, Campos se tornará a cidade com o maior Centro de Tratamento Intensivo (CTI) do Estado. Além da construção da nova Emergência do Hospital Geral de Guarus, (HGG) já em funcionamento, também estão avançadas as obras de reestruturação do hospital que abrigará novo CTI que será o maior, com 20 leitos, dentre os hospitais públicos do Estado do Rio de Janeiro, incluindo a capital.

A reestruturação do HGG compreende numa reforma geral do hospital, com novo Centro Cirúrgico, nova Pediatria, novo Abrigo para Resíduos Hospitalares, Ambulatório de Clínica Médica com 25 leitos, Enfermaria com 29 leitos e a transformação do Centro Cirúrgico dos atuais 10 leitos que já passou por reestruturação e agora conta com 20 leitos modernos.

Fruto de uma nova parceria, firmada entre o prefeito Wladimir Garotinho e o vice-governador Thiago Pampolha, durante visita recente da equipe técnica da Secretaria de Estado de Saúde, que acompanhou o Vice-Governador ao Hospital Geral de Guarus, outro projeto relevante para a Saúde é a Clínica Regional de Hemodiálise que será implementado em anexo ao hospital.

O projeto da Clínica Regional de Hemodiálise foi elaborado pela Prefeitura de Campos e está orçado em R$ 15.719.387,17 e será construído em parceria com o Governo do Estado, que vai custear as obras com aporte de R$15 milhões, restando portanto à Prefeitura investimento da ordem de R$720 mil.

CAMPOS SERÁ POLO DE TRANSPLANTE DE RIM DO NORTE FLUMINENSE
O prefeito Wladimir Garotinho celebra os avanços conquistados para a área da Saúde por meio das parcerias que resultam em dinheiro novo para investimentos públicos com o objetivo de proporcionar a ampliação dos serviços com mais qualidade para a população de Campos e da região.

“Antes mesmo de assumir a Prefeitura eu sabia das dificuldades financeiras dos cofres públicos com base no que foi possível levantar durante a transição. Em vez de cruzar os braços e ficar lamentando, porque não tinha dinheiro em caixa nem para pagar as folhas de pagamento e o décimo terceiro em atraso. Tratei de buscar parcerias para buscar dinheiro novo porque era o único caminho para reestruturar o município. Na área da Saúde tínhamos mais de 20 unidades de saúde fechadas e os hospitais contratualizados (conveniados) estavam com repasses em atraso. Elaboramos e levamos para o Estado e para a União diversos projetos para as áreas da Saúde, Educação e Infraestrutura e já mudamos a realidade da cidade”, relata o Prefeito Wladimir.

PARCERIAS
“Já em novembro (de 2020, antes da posse) eu já batia na porta do Governo do Estado e busquei ajuda junto ao governador Cláudio Castro e também aos deputados que tive maior aproximação durante meus dois anos de legislatura na Câmara dos Deputados. Com ajuda dos deputados e dos senadores Carlos Portinho e Romário conseguimos somar recursos por meio de repasses do Estado e da União e por meio de Emendas que têm sido relevantes para recuperar Estradas, Ruas da cidade e Unidades da Saúde. Construímos a nova Emergência do HGG; estamos remodelando todo hospital; construindo a nova Emergência do Hospital Ferreira Machado; ampliamos a UTI Pediátrica, adquirimos equipamentos de ponta para exames; estamos construindo o Hemocentro Regional e vamos partir para a Clínica Regional de Hemodiálise com o propósito de pôr o fim à fila para a Terapia Renal Substitutiva. Afinal, nesta gestão, estamos investindo mais de R$ 40 milhões nestes projetos porque nosso foco é cuidar de pessoas”, destaca o prefeito Wladimir Garotinho.

O NABALANCANF APENAS REPOSTA A NOTÍCIA QUE SE FEZ PÚBLICA SEM TECER QUALQUER COMENTÁRIO A RESPEITO DA MATÉRIA OU SE RESPONSABILIZAR PELA MESMA. TEM O CUNHO MERAMENTE INFORMATIVO.
Via
POR ASCOM
Fonte
JORNAL TERCEIRA VIA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

catorze + oito =

Especialista

Olá! você têm alguma dúvida?