Comarca de Lages garante equipamentos para atividades do grupo de reflexão da CPMA

A 2ª Vara Criminal da comarca de Lages contemplou a Central de Penas e Medidas Alternativas local (CPMA) com um projetor e impressora, equipamentos adquiridos por meio de recursos das verbas pecuniárias e destinados ao projeto Reflexivo das Medidas Alternativas.

Os equipamentos serão utilizados para apresentação das atividades com os grupos e na impressão de materiais, como convites, materiais de divulgação e de campanhas educativas. O projeto Refletir foi iniciado em junho deste ano com a participação de 15 homens em atividades planejadas e executadas pelos psicólogos e assistente social da CPMA.

Todos os participantes passaram por audiência e, conforme determinação judicial, houve imposição de medida protetiva e medidas alternativas, sendo uma delas a medida educativa de inclusão da pessoa no grupo reflexivo.

A CPMA foi implantada há dois anos na comarca de Lages. A Central atende autores de pequenos delitos, com condenações de até quatro anos e com penas restritivas de direito alternativas à privação de liberdade. Este programa faz o acompanhamento, monitoramento e fiscalização das penas de prestação de serviço à comunidade e medidas educativas visando a não reincidência criminal.

Conteúdo: Assessoria de Imprensa/NCI
Responsável: Ângelo Medeiros – Reg. Prof.: SC00445(JP)
O NABALANCANF APENAS REPOSTA A NOTÍCIA QUE SE FEZ PÚBLICA SEM TECER QUALQUER COMENTÁRIO A RESPEITO DA MATÉRIA OU SE RESPONSABILIZAR PELA MESMA. TEM O CUNHO MERAMENTE INFORMATIVO.
Fonte
TJSC

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

12 − 4 =

Especialista

Olá! você têm alguma dúvida?