APROVADO! Brasil tem nova faixa de isenção no Imposto de Renda a partir de 2024

Uma das principais declarações feitas anualmente é a exigida pela Receita Federal para que o Imposto de Renda será verificado. Sobre o tema, após uma alteração planejada pelo governo federal, a taxa de isenção do Imposto de Renda deve sofrer uma mudança a partir do ano que vem. Confira as notícias agora.

APROVADO! Brasil tem nova faixa de isenção no Imposto de Renda a partir de 2024 (Imagem: FDR)

Imposto de Renda é um declaração que precisa ser entregue à Receita Federal todo ano por pessoas que ultrapassam uma margem de ganhos anuais. De forma bastante simplificada, é a forma que o governo tem de verificar como você vem gastando o seu dinheiro e se você pagou os impostos necessários pelos serviços.

Desta forma, é preciso que o cidadão faça a sua declaração com bastante calma e não esqueça de pontuar um serviço sequer que foi consumido por você ou sua família. Vale ressaltar que existem serviços que podem ser isentos do Imposto de Renda, como alguns casos de saúde em que os médicos são necessários.

Porém, a isenção normalmente parte do nível de renda da pessoa. Atualmente, existe um valor mínimo que o cidadão deve receber para que haja a necessidade de realizar a declaração; a faixa de isenção vai até R$1.903,98. Porém, a medida que o governo Lula vai aplicar fará com que esta faixa de isenção seja ampliada.

Desta forma, uma maior quantidade de pessoas não farão a declaração do Imposto de Renda. Esta mudança será uma ramificação de uma outra medida que será aplicada pelo governo federal, ainda neste mês de maio. Com isto, a mudança na faixa de isenção do Imposto de Renda terá início no começo de 2024.

Qual será a mudança no Imposto de Renda?

A partir do ano que vem, as pessoas que recebem até dois salários mínimos (R$2.640) não terão a necessidade de declarar os seus gastos à Receita Federal. A medida segue a novidade que será aplicada ao valor do salário mínimo, que sofrerá um reajuste previsto para 1º de maio. O valor do mínimo irá para R$1.320.

Com este reajuste, será o segundo aumento no piso salarial nacional que foi aplicado pelo Presidente Lula. Consequentemente, ao aumentar o piso salarial, ele também aumenta a faixa de isenção.

O NABALANCANF APENAS REPOSTA A NOTÍCIA QUE SE FEZ PÚBLICA SEM TECER QUALQUER COMENTÁRIO A RESPEITO DA MATÉRIA OU SE RESPONSABILIZAR PELA MESMA. TEM O CUNHO MERAMENTE INFORMATIVO.
Via
FLÁVIO COSTA EM 29 DE ABRIL DE 2023, ÀS 15:00
Fonte
fdr

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 − dois =

Especialista

Olá! você têm alguma dúvida?