A JE Mora ao Lado: mesária voluntária incentiva a família a participar das eleições

Professora conta que a curiosidade inicial se transformou em um compromisso que já dura oito anos

Lígia Fonseca é professora em Vitória (ES) e, nas horas vagas, pratica karatê, esporte de autodefesa que requer disciplina, organização e autocontrole. Essas características contribuem também para exercer a atividade de mesária, função para a qual se voluntariou e que incentivou os dois filhos a também participarem dos bastidores na festa da democracia.

Acostumada a ensinar, a professora Lígia também está sempre disposta a aprender. Ela conta que tinha curiosidade para entender a dinâmica do processo eleitoral. Mas o que era apenas um interesse se transformou em compromisso que já dura oito anos.

A capacidade de coordenação de Lígia também contribui para que, na seção eleitoral em que atua, a votação ocorra de uma forma transparente e ordenada. Ela, inclusive, participa da logística antes da votação, montando e desmontando os equipamentos que são utilizados por eleitoras e eleitores de sua cidade.

Veja a entrevista no canal do TSE no YouTube

A mesária destaca que só após participar efetivamente do pleito é que pôde entender o quão grandiosa é a preparação de uma eleição. Segundo ela, ficou claro que, por trás daquele simples momento em que o eleitor aperta o “confirma” e finaliza seu voto, muitas etapas são necessárias.

Além da autodefesa, Lígia também aprendeu a defender as urnas eletrônicas e, sempre que tem oportunidade, reforça: “Trata-se de um processo seguro, transparente e cercado de cuidados”, garante, ao fazer um convite a todos: “Se tiverem a oportunidade, participem. Vale muito a pena e, com certeza, nos transforma em cidadãos melhores”.

Série Mesários

Esta história faz parte da série Mesários – A Justiça Eleitoral Mora ao Lado. Os textos estão sendo publicados desde fevereiro de 2022, mês em que a Justiça Eleitoral comemorou 90 anos. A ideia é mostrar que a atuação para garantir o processo democrático por meio das eleições só é possível graças às mesárias e aos mesários que participam ativamente do processo eleitoral em todo o país.

DR/CM, DM

O NABALANCANF APENAS REPOSTA A NOTÍCIA QUE SE FEZ PÚBLICA SEM TECER QUALQUER COMENTÁRIO A RESPEITO DA MATÉRIA OU SE RESPONSABILIZAR PELA MESMA. TEM O CUNHO MERAMENTE INFORMATIVO.
Fonte
TSE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 + 17 =

Especialista

Olá! você têm alguma dúvida?