A JE Mora ao Lado: “Me sinto um cidadão democrático”, afirma mesário voluntário de São Paulo

Há uma década, Sérgio Luis da Silva, de 46 anos, está a serviço da Justiça Eleitoral em Aparecida, no interior paulista, trabalho que ele diz exercer com satisfação

Quando o relógio marca 17h no domingo da eleição, o professor de história Sérgio Luis da Silva, 46 anos, tem a certeza de que, mais uma vez, cumpriu a missão de contribuir para o bom andamento do processo eleitoral brasileiro. “A sensação é de dever cumprido, por trabalhar pelo país e ajudar os eleitores a exercerem a cidadania”, afirma.

Mesário há dez anos, ele atua como presidente de seção em Aparecida, município com 28.471 eleitores, localizado no interior de São Paulo. “É uma satisfação enorme desempenhar esse serviço e auxiliar as pessoas que estarão elegendo os nossos representantes”, destaca.

A JE Mora ao Lado - Sérgio Luis, Aparecida (SP) em 09.03.2023

Segundo ele, a motivação para atuar no pleito está na democracia e no prazer que sente em poder colaborar para garantir que os eleitores da seção votem. “Muitos vão com dificuldade de andar ou enxergar. E, com a nossa empatia e alegria, nós conseguimos ajudar”, relata.

Veja a entrevista no canal do TSE no YouTube.

Sérgio entende que o trabalho voluntário prestado ao Brasil por meio da Justiça Eleitoral é a melhor forma de preservar a democracia. Ele conta que, a cada dois anos, quando a data do pleito se aproxima, procura o cartório eleitoral e se coloca à disposição, como voluntário. “Sempre irei trabalhar. Me sinto um cidadão democrático”, afirma.

O contentamento por integrar o time de mesários da Justiça Eleitoral é tão grande que ele estimula os colegas da escola onde dá aulas a se voluntariarem. “Estamos em uma democracia com muita empatia, e conheço amigos que trabalham em outras escolas que não querem deixar de trabalhar”, conta.

As eleições também acabam sendo tema das aulas de história, disciplina que ministra. E o trabalho como mesário auxilia, inclusive, na sala de aula. “Num determinado bimestre, sempre tem a parte de redemocratização do Brasil. Eu explico o que é o voto, para que serve, o que é a democracia, como os políticos são eleitos e como funcionam as seções”, relata.

Aparecida “do Norte”

O município de Aparecida está localizado no Vale do Paraíba Paulista, a 170 quilômetros de São Paulo. A cidade é popularmente conhecida como Aparecida “do Norte” devido à construção da Estrada de Ferro do Norte, na segunda metade do século XIX.

A origem do município remonta à imagem de Nossa Senhora da Conceição Aparecida, encontrada por pescadores no Rio Paraíba do Sul, em 1717.

Um dos principais núcleos turísticos do Brasil, a cidade é sede da Basílica de Nossa Senhora Aparecida, considerada o maior centro de peregrinação religiosa da América Latina e que recebe milhões de visitantes por ano.

Série Mesários

Essa história faz parte da série Mesários – A Justiça Eleitoral Mora ao Lado. Os textos estão sendo publicados desde fevereiro de 2022, mês em que a Justiça Eleitoral comemorou 90 anos. A ideia é mostrar que a atuação para garantir o processo democrático por meio das eleições só é possível graças às mesárias e aos mesários que participam ativamente do processo eleitoral em todo o país.

DV/LC, DM

O NABALANCANF APENAS REPOSTA A NOTÍCIA QUE SE FEZ PÚBLICA SEM TECER QUALQUER COMENTÁRIO A RESPEITO DA MATÉRIA OU SE RESPONSABILIZAR PELA MESMA. TEM O CUNHO MERAMENTE INFORMATIVO.
Fonte
TSE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × cinco =

Especialista

Olá! você têm alguma dúvida?