Notícias

Dallagnol pediu que força-tarefa checasse viagens dos advogados de Lula

Uma vizinha relatou a uma integrante do MP uma viagem feita pelo casal para Genebra, na Suíça

Os advogados do ex-presidente Lula tiveram informações pessoais compartilhadas com a Força-tarefa da Operação Lava Jato.

O caso foi revelado por Cristiano Zanin na terça-feira 9, no julgamento da 2ª Turma do Supremo Tribunal Federal que autorizou o compartilhamento das mensagens trocadas pelo ex-juiz Sergio Moro e pelos procuradores.

O advogado afirmou que uma vizinha relatou a uma integrante do MP uma viagem feita pelo casal para Genebra, na Suíça.

Ao receber a informação, Deltan Dallagnol pediu aos procuradores que verificassem as viagens e os destinos dos advogados.

“Isso é um escândalo, isso é inaceitável e não pode ser aceito”, afirmou Zanin.

Fonte
cartacapital
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

16 − onze =

Botão Voltar ao topo