Notícias

AJ inicia Formação de Conciliadores e Mediadores em parceria com CNJ e Cojepemec

A Academia Judicial do Poder Judiciário de Santa Catarina, em parceria com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e a Coordenadoria do Sistema de Juizados Especiais e do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (Cojepemec) iniciou, nesta semana, duas turmas de mais uma edição do Curso de Formação de Conciliadores e Mediadores Judiciais.

A primeira turma, com 32 participantes, cujas aulas começaram ontem (3/11), finalizará a (primeira) etapa teórica, realizada em formato Ead, no ambiente virtual da Academia Judicial, em 13 de dezembro deste ano. A segunda turma, para a qual foram destinadas 24 vagas, desenvolverá as atividades no ambiente virtual do CNJ, de hoje (4/11) até 14 de dezembro de 2020. Posteriormente, os 56 participantes das duas turmas realizarão estágio supervisionado pela Academia Judicial.

A primeira etapa é de 40 horas-aula e a parte prática de 60 horas-aula. Todos os participantes deverão atuar em mediação e conciliação dentro da estrutura do Tribunal de Justiça de Santa Catarina por dois anos, após finalizarem o curso.

A Academia Judicial utilizará, além do sistema próprio, o sistema de cadastro nacional do CNJ (Conciliajud), onde o nome dos habilitados em mediação e conciliação estará disponível para todos os Tribunais de Justiça do país. Ainda, a AJ já prevê novas turmas para 2021, objetivando a formação de novos instrutores em mediação judicial e turmas exclusivas para formação de conciliadores. Todas as atuais ações da Academia relacionadas a mediação e conciliação seguem o novo regulamento, publicado em maio de 2020 pelo CNJ.

Fonte
TJSC
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 − treze =

Botão Voltar ao topo